Equipe gaúcha vence como melhor time de serviços Scania no Brasil

A BTech, equipe da Casa Scania Brasdiesel de Ijuí (RS), foi a vitoriosa na etapa nacional do torneio global Scania Top Team 2022-2023, que seleciona as melhores equipes de serviços da rede de concessionárias da marca no mundo. Na final nacional, realizada na fábrica da Scania, em São Bernardo do Campo (SP), disputaram 10 times de quatro estados. A BTech disputará a final regional latino-americana com times da Argentina, Chile, Colômbia, Peru e México, que será realizada em novembro na Argentina. As duas primeiras colocadas participarão da grande final em maio de 2023 na Suécia.

A equipe BTech é composta por Marcelo Bueno e Neilson Goi Freitag, tricampeões, e os estreantes Diorle da Silva Legonde, Bruno Claudy Alves, Jardel Bealozourw Franco e John Maicon Fritz Noronha. A etapa final reuniu as dez melhores equipes do ranking geral após o resultado de 100 questões de provas teóricas, independentemente de serem ou não da mesma concessionária. A classificação da final nacional foi:

  1. Btech, da Casa Brasdiesel (Ijuí, RS)
  2. Top Line Rio Preto, da Casa Escandinávia (São José do Rio Preto, SP)
  3. Power Diesel, da Casa Brasdiesel (Caxias do Sul, RS)
  4. PG Tech, da Casa Cotrasa (Ponta Grossa, PR)
  5. Top Service, daCasa P.B.Lopes (Londrina, PR)
  6. Power Team, da Casa Scania WLM Itaipú (Contagem, MG)
  7. Equipe E (Águia Maringá G10) – Casa P.B.Lopes (Maringá, PR)
  8. Águia Maringá 4, da Casa P.B.Lopes (Maringá, PR)
  9. Equipe Top Gum, da Casa WLM Quinta Roda (Sumaré, SP)
  10. Equipe 470 HPI, da Casa WLM Quinta Roda (Sumaré, SP)

“A competição para a escolha da melhor equipe de serviços do Brasil da rede Scania foi recheada de emoções. Além do nervosismo comum em situações assim, pudemos ver a garra e o foco dos profissionais para alcançar um objetivo. Todos são ganhadores, independentemente da colocação, o que exige dedicação e disciplina. Estão de parabéns e têm a nossa admiração e respeito. Para a Btech, os parabéns são em dobro. A humildade, segundo palavras deles, foi o que os acompanhou e fez a diferença durante o preparo. Até adicionaram um H no nome original. Na final nacional, muita determinação e união para vencer”, diz Maria Luiza Delavy, diretora da área de Pessoas e Cultura da Scania no Brasil, que inclui a Scania Academy, que dá suporte ao evento.

A competição contou com provas práticas e teóricas, sendo quatro estações práticas com desafios de diagnósticos em veículos e componentes, e uma estação teórica com questões relativas às especificações técnicas de veículos Scania, onde avaliou-se a competência técnica, a habilidade de realizar diagnósticos e de solucionar problemas no menor tempo possível. O trabalho em equipe é um fator muito levado em consideração nesta disputa, que reproduz em um ambiente de laboratório as condições da realidade cotidiana na rede de atendimento Scania.

“Adrenalina e emoção juntas chegaram mais uma vez com o reconhecimento. Neste ano, recebemos quatro novos componentes e o equilíbrio e a união foram decisivos para sermos campeões. É muito bom termos este resultado depois de tanto tempo de dedicação. O time está renovado para buscar mais uma vez a vaga na final mundial. Humildade acima de tudo”, declara Marcelo Bueno, mecânico-geral da Casa Brasdiesel de Ijuí.

Humildade foi o foco do grupo, tanto que o nome da equipe, no original Btec, recebeu um H no final para fazer alusão a essa qualidade. “Também tivemos a evolução dos produtos e serviços oferecidos pela Scania. Uma veio puxando a outra, trazendo mais responsabilidades. Temos que estudar sempre, independentemente de participar da competição. Nossa profissão também mudou nestes anos todos”, completa Bueno.

“O trabalho em equipe foi o ponto principal que nos levou a sermos campeões. Agradeço também o apoio de retaguarda da concessionária com outros funcionários nos cobrindo nas ausências, para não deixar os clientes sem atendimento. Após outra participação no Top Team, vamos ganhar ainda mais agilidade no diagnóstico na oficina. Um assunto novo foram os veículos a gás. Nossa evolução precisa ser sempre dinâmica. O Top Team, justamente, nos ajuda a estar por dentro das novidades e tendências do mercado. O cliente reconhece esta competição e busca um atendimento mais qualificado”, ressalta Neilson Goi Freitag, mecânico de transmissão da Brasdiesel Ijuí.

A Btech, ainda como Btec, começou a participar do Top Team em 2013, quando conquistou o quinto lugar na fase nacional. Em 2015, a equipe finalmente venceu a etapa final nacional, obtendo 138 pontos, e ficou em segundo na regional e em terceiro na mundial, uma performance inédita até o momento. Em 2018, a Btech conquistou 171,5 pontos na etapa final nacional e quase 40 pontos a mais do que em 2015 na final regional, demonstrando a evolução da equipe ao longo do tempo.

O Top Team foi criado na Suécia em 1996, quando participaram apenas os cinco países escandinavos: Suécia, Noruega, Finlândia, Dinamarca e Islândia. Em 2003, a competição contou com representantes de 17 países da Europa. Em 2005, o número de países subiu para 21. O ano de 2011 contou com 44 participantes e marcou a estreia do Brasil no evento, que chegou até a final mundial com a equipe da concessionária Codema, de Guarulhos (SP).

“A edição 2022/2023 do Top Team tem um sentimento especial pois a Scania vai comemorar 65 anos de Brasil, no dia 2 de julho. A final nacional teve muita energia positiva, competição acirrada e foi decidida nos detalhes. O alto nível de qualificação e profissionalismo das equipes nos traz a tranquilidade de que sempre teremos os melhores serviços em nossas oficinas. Tudo para oferecer o diagnóstico certo e numa solução ágil para que o cliente volte à operação o mais rápido possível, entregando disponibilidade e rentabilidade. Vimos que os times se prepararam fortemente, todos muito felizes e entusiasmados para crescer ainda mais. O resultado, muito além da tabela de classificação, foi o incentivo enorme para o desenvolvimento em que todos ganham: os profissionais, a Scania, a rede de concessionários e, principalmente, os clientes”, finaliza Marcelo Montanha, diretor de Serviços da Scania no Brasil.

Foto: Scania