Mercedes-Benz promove test-drive com Accelo e Atego na Ceasa de Maringá

A Mercedes-Benz realiza entre os dias 1º e 3 de junho em Maringá (PR) a quinta etapa do Circuito Ceasa para demonstração dos caminhões Accelo e Atego para motoristas e transportadoras que atuam nas Centrais de Abastecimento das cidades brasileiras. Até o mês de agosto o evento acontece em mais 8 municípios de várias regiões do país.

Para este ano, a montadora leva às Ceasas o modelo leve Mercedes-Benz Accelo 1016 e o semipesado Atego 3030 8×2, disponibilizados para test-drives para que motoristas possam avaliar o desempenho e as tecnologias dos caminhões, como o câmbio automatizado, que proporciona mais conforto, eficiência e menor consumo de combustível.

“Nosso maior objetivo é atender os clientes em seus próprios locais de operação, oferecendo soluções rentáveis para empresas e autônomos em várias regiões do país. Mais uma vez, é uma grande satisfação para a nossa marca continuar fazendo parte do Circuito Ceasa há tantos anos”, afirma Ebru Semizer, gerente sênior de Marketing Comunicação & Inteligência de Mercado Caminhões da Mercedes-Benz do Brasil.

O câmbio automatizado está disponível como opção a todos os modelos de caminhões do portfólio da Mercedes-Benz, tornando a troca de marchas mais confortável e segura, pois permite maior agilidade na condução pelo fato do motorista não precisar acionar pedal de embreagem, além de melhorar o desempenho e o consumo do veículo, tornando-o adequado para operação no intenso tráfego urbano, onde as trocas de marchas são constantes.

O Atego é o sucessor de caminhões tradicionais da marca que fizeram história no Brasil nas unidades da Ceasa, como o L 1620 e depois o bicudo Atron, enquanto o Accelo é o herdeiro de modelos leves da marca, como o 608 e o 709. São veículos que conquistaram a admiração dos caminhoneiros e transportadoras do Brasil pela robustez e confiabilidade com que realizavam e ainda realizam o transporte de gêneros alimentícios no campo, nas rodovias e nas cidades.

“Nosso portfólio tem caminhões tanto para quem busca produções no campo, nas cooperativas e nos CDs, levando-as até as centrais de abastecimento, como para quem transporta os produtos da Ceasa aos pontos de venda nas cidades, seja o autônomo ou o frotista”, finalista Semizer.

Foto: Mercedes-Benz