ZF conquista o Prêmio REI na categoria “Motores e Transmissões” com a transmissão TraXon

A ZF é a vencedora do Prêmio REI na categoria “Motores e Transmissões” com a TraXon, uma das mais modernas transmissões automatizadas do mundo. Modular e flexível, é um equipamento tecnicamente avançado e já preparado para as futuras exigências de redução de emissões em caminhões pesados no país. O Prêmio REI (sigla para Reconhecimento à Excelência e Inovação), do portal Automotive Business, destaca empresas, projetos e pessoas que entregam um novo valor à indústria automotiva, à mobilidade e à sociedade.

Os indicados de 2021 receberam cerca de 40 mil votos, número considerado recorde pelos organizadores da premiação, com aumento de participação do público em 80% em relação à edição de 2020. Ao todo foram indicados 48 cases e anunciados 12 ganhadores. Os cases foram escolhidos pela equipe editorial do portal e votados pelo público em geral.

“É um importante reconhecimento para a ZF conquistar o Prêmio REI na categoria ‘Motores e Transmissões’ com a TraXon, transmissão mundialmente reconhecida por oferecer maior eficiência energética, aliando maior aproveitamento da potência dos caminhões com menor consumo de combustível e melhor relação peso/potência”, afirma Fernanda Giacon, gerente sênior de Marketing e Comunicação da ZF América do Sul.

As transmissões TraXon são produzidas no Brasil na unidade da ZF de Sorocaba (SP). Sua linha de montagem é uma das mais modernas do mundo entre todas as unidades da ZF com elevado nível de automação e preceitos da Indústria 4.0.

Com suas qualidades técnicas e tecnologia de ponta, as transmissões TraXon de 12 e 16 velocidades da ZF vêm conquistando o mercado de veículos comerciais no Brasil, equipando os novos modelos que fazem parte de uma nova geração de caminhões pesados no Brasil. Além de elevar o padrão de conforto e dirigibilidade dos caminhões, a TraXon contribui para aumentar a eficiência operacional, baixando consumo e melhorando a produtividade. Com ela, o caminhão leva mais carga, com baixos níveis de ruído e rotações baixas do motor mesmo em altas velocidades.

A TraXon também é uma transmissão mais leve e com menores custos de manutenção e sua tecnologia permite maior intervalo entre trocas de óleo, o que se traduz em mais rentabilidade à operação logística.

Imagem: ZF