Iveco alcança a marca de 220 mil veículos comerciais produzidos no Brasil

A Iveco ultrapassa as 220 mil unidades produzidas no seu completo industrial em Sete Lagoas (MG). Além da marca de destaque obtida no número de veículos comerciais fabricados no Brasil, a marca registrou crescimento de 66% no primeiro quadrimestre deste ano, contratou colaboradores temporários, apesar das dificuldades da pandemia, renovou o quadro de executivos para as áreas de planejamento e atendimento ao cliente, e dá continuidade à ampliação da sua rede de concessionárias no território nacional.

“Os números mostram que atualmente somos a montadora que mais cresce no país, graças a profissionais competentes escrevendo, dia a dia, essa história de sucesso. Seja na fábrica, onde investimos pesado em processos produtivos e na segurança de nossos colaboradores, seja nos escritórios ou em home office, nosso time é incansável na busca por um objetivo em comum: a satisfação total do cliente”, declara Marcio Querichelli, líder da Iveco na América do Sul.

A unidade brasileira da Iveco, fundada em 2000, é uma das mais modernas fábricas de veículos comerciais da América Latina, onde os produtos são produzidos e testados dentro do conceito World Class Manufacturing (WCM) definido pelo Grupo CNH Industrial para suas marcas no mundo todo, um dos mais elevados padrões de gerenciamento integrado de plantas e processos de produção do planeta. Além da moderna linha de montagem, a estrutura de Sete Lagoas conta com o Centro de Desenvolvimento de Produto e um campo de provas para o desenvolvimento de produtos.

A sustentabilidade é outro destaque na unidade mineira, onde medidas são tomadas com o objetivo de ampliar a disponibilidade e a gestão sustentável da água, com a redução do consumo de água no processo de pré-tratamento da unidade de pintura e eliminação do consumo de água na operação de lavagem das carrocerias dos veículos, através do uso de tanque pulverizador 05, resultando em redução de 1.433 m³ de água utilizada por ano.

Atualmente, a Iveco possui um dos portfólios mais completos de veículos comerciais, que vão desde a linha leve Daily, passando pela de médios Tector e indo até a linha de extrapesados Hi-Way. O próximo grande passo da marca italiana no Brasil é a produção de veículos movidos a gás natural, dentro do objetivo de oferecer produtos ambientalmente sustentáveis, como já ocorre na Europa. “Vamos iniciar os testes com caminhões a gás em 2021 e, em breve, Sete Lagoas poderá ver os primeiros modelos GNV saindo da linha de montagem”, finaliza Querichelli.

Foto: Iveco