Associação Comercial do PR oferece sistema que controla lotação de ônibus em Curitiba

A Associação Comercial do Paraná (ACP) anuncia que está oferecendo à Urbs (Urbanização de Curitiba) e à Comec (Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba) um projeto piloto de controle de lotação de passageiros nos ônibus da capital paranaense e região como medida de auxílio ao combate à pandemia de covid-19. A entidade solicita a disponibilização de quatro ônibus de linhas com volume expressivo de passageiros para testagem do sistema, sendo dois veículos que operam em Curitiba e dois na região metropolitana. A empresa que faz a medição já atua em outras cidades. A ACP custeará o projeto piloto.

O sistema eletrônico utiliza inteligência artificial para calcular o número de pessoas dentro do ônibus, acendendo uma luz de alerta para indicar que a lotação com distanciamento social seguro foi atingida. O sistema ajuda a solucionar a dificuldade de fiscalização dos veículos, o que exigiria uma grande quantidade de profissionais para controlar a quantidade de passageiros de toda a frota do transporte público. A tecnologia foi desenvolvida pela startup Milênio Bus, de São Paulo, e analisa em tempo real o fluxo de pessoas através de sinal de wi-fi e bluetooth de smartphones.

“Diante da escassez de capital humano para averiguar cada ônibus em seus trajetos, o sistema irá acender uma luz vermelha no interior dos veículos demonstrando que atingiu a capacidade legalmente autorizada naquele momento. Essa é uma forma de educar a população quanto ao limite de pessoas, ajudar o sistema público a não transportar um número excessivo de pessoas e por outro lado será um termômetro para a autoridade pública quanto à eficiência de suas medidas restritivas”, declara a ACP.

Foto: Geraldo Bubniak/AGB