Volvo e VWCO estão no ranking das melhores empresas para trabalhar no Brasil

No ranking do consagrado instituto de pesquisa Great Place to Work (GPTW) para o ano de 2020, figuram duas montadoras de veículos comerciais, a VW Caminhões e Ônibus e a Volvo, que conquistaram respectivamente o 7° e 8° lugares da 1ª edição do GPTW Indústria – Grande porte. A premiação foi realizada pelo GPTW em parceria com a CNI (Confederação Nacional da Indústria) e a Automotive Business. Ao todo, foram avaliadas 244 empresas de todo o país e premiadas 40 de grande porte e 40 de médio porte. Os resultados foram compilados a partir de pesquisas realizadas entre julho de 2019 e agosto de 2020.

Para a VWCO, o reconhecimento do GPTW chega em um momento muito especial para a empresa, no qual celebra seus 40 anos de atividades. “Esse reconhecimento reflete um intensivo esforço de todo o nosso time em busca da excelência no clima organizacional e é especialmente importante num ano de tantos desafios com a pandemia, em que reinventamos todas as nossas ferramentas de gestão. O resultado é que nos mantivemos próximos, com confiança e espírito de equipe, mesmo distantes fisicamente”, afirma Roberto Cortes, presidente e CEO da VW Caminhões e Ônibus.

Já para a Volvo, a premiação chega quando a montadora investe no aumento do seu ritmo de produção para atender um crescimento na demanda, levando a empresa sueca a contratar, no início deste ano, mais 400 funcionários para sua planta industrial em Curitiba (PR). “É uma honra e um orgulho receber novamente esse reconhecimento nacional, que é fruto do conceito que os próprios funcionários têm do local onde trabalham e das práticas de gestão de pessoas. Sabemos que manter uma conquista é bem mais difícil do que ser reconhecido pela primeira vez. Trabalhamos todos os dias para isso, para sermos coerentes entre o que dizemos e o que praticamos, com consistência e constância dos nossos propósitos. Essa é a fórmula que conhecemos para o real engajamento das pessoas, que traz à tona a missão do Grupo Volvo, que é gerar prosperidade por meio de soluções e infraestrutura de transporte”, declara Carlos Ogliari, vice-presidente de Recursos Humanos e Assuntos Corporativos da Volvo na América Latina.

Na pesquisa GPTW, a avaliação é dividida em pesquisa com os funcionários, com um peso de 67%, e práticas culturais da organização, os restantes 33%. A soma dos resultados define a média final, o índice geral de classificação. A base da avaliação leva em conta nove práticas culturais: Inspirar, Falar, Escutar, Agradecer, Desenvolver, Cuidar, Contratar/Receber, Celebrar e Compartilhar, com 63 questões feitas a funcionários aleatoriamente convidados a participar, tendo suas identidades preservadas. A pesquisa contou com a participação de 343.858 funcionários de 244 empresas inscritas.

A pesquisa GPTW é realizada no Brasil desde 1997 e avalia as condições do ambiente de trabalho de empresas em todo o mundo a partir do ponto de vista de seus funcionários. O instituto foi criado na década de 80 pelo jornalista norte-americano Robert Levering, especializado em assuntos ligados ao trabalho, e baseia sua pesquisa na opinião direta dos colaboradores sobre as companhias em que trabalham. Além da premiação, o GPTW também realiza serviços de consultoria para empresas na área de Recursos Humanos.

Foto: Volvo